25 junho 2009

Não me ensinaram..


Não me ensinaram a viver sem luz,
Disseram-me sempre que o amanhã é esperança,
Que há sempre uma porta que se abre

Ninguém me ensinou a não sorrir
Disseram-me que o sorriso é um sinal de vida
Que ilumina o semblante mais sombrio,
Que descerra a porta mais trancada

Não me avisaram que a solidão dói, apenas que passava ..
Não me disseram que ficava um vazio incontornável

Disseram apenas que passava...

Não ...

Pode atenuar ou acalmar ..
Como as memórias fechadas a sete chaves, num baú, para não serem sentidas, lembradas...mas ...
Quando se abre ... voltam todas as sensações que se quiseram trancar ...

Não me ensinaram que a vida é um monte de sonhos que não se vivem...
Não me disseram que a alma sente mais que o cérebro... e que chora ..

Afinal ninguém me ensinou a viver ....

2 comentários:

  1. afinal ninguém Nos ensinou a viver...

    :)

    linnnnnnnnnnndo. Divinal.
    Ainda estou de boca aberta :P

    ResponderEliminar
  2. Obrigado,um elogio feito por alguém que escreve como a Catarina é para agradecer.
    Passa sempe.

    ResponderEliminar

Acerca de mim

A minha foto
Portugal
Um mundo de esperança..